:: SINTRACOMOS

4 de julho de 2019

Manhã chuvosa de quinta-feira 04 de julho de 2019, os trabalhadores demitidos da empreiteira Master Logic acompanhados e assistidos pelo Sintracomos através da sua Diretoria tendo à frente o Presidente Marcos Braz de Oliveira – Macaé exigem providencias da direção da RPBC para garantir o pagamento dos salários e rescisões devidas. Depois do rompimento do contrato de reforma entre contratante e contratada não houve garantia por parte da Refinaria para pagamento aos trabalhadores, pois os serviços executados por estes só trouxe benefício à estatal que terá de assumir ou obrigar a empreiteira a efetuar os pagamentos. O Sintracomos não vai desmobilizar enquanto essas pendências não forem eliminadas.